TIM: lucros sobem pelo elevador e a proposta salarial fica no sub solo

Postado por: admin Categoria: Notícias

Reuniao TIM 2016.11.08Após três reuniões de negociações, a TIM fez uma proposta bem abaixo da sua capacidade. Os números não mentem: a empresa fechou 2015 com um fluxo de caixa na ordem de R$ 6 bilhões. Esse é um número bastante satisfatório. O saldo de caixa do primeiro semestre deste ano ficou em R$ 3,31 bilhões.

Esses números mostram que existe margem de sobra para o reajuste do trabalhador. Vamos às contas: o impacto de um reajuste da inflação (que foi de 9,62%) em salários e benefícios seria muito baixo, aproximadamente R$ 100 milhões/ano. Isso representa só 0,59% da receita líquida da empresa.

Mas o que a TIM oferece?

● 6% de reajuste salarial a ser aplicado somente em janeiro/2017 sem pagamento retroativo. Isso representa apenas 1% de elevação em relação à proposta anterior.

● 8% de reajuste no VR e auxílios creche e portadores de necessidades especiais. Aplicação em dezembro/2016 sem pagamento retroativo.

É SEMPRE BOM LEMBRAR…

Nossa data-base é 1º de setembro!

Além destes reajustes minguados, a empresa ainda quer fazer alterações em cláusulas econômicas e sociais. Ou seja, quer precarizar o que é praticado atualmente.

A TIM é uma das maiores empresas de telecomunicação do país, e sua proposta não condiz com sua capacidade financeira. O Patrimônio Líquido (PL), capital próprio da TIM, mantém trajetória de crescimento e ficou em R$ 16,93 bilhões, aumento de 10,5%. O Lucro líquido (LL) segue crescendo e terminou 2015 com R$ 2,07 bilhões. No 3º trimestre/16, o LL cresceu 14,3%, R$ 200 milhões ante R$ 175 milhões no 3º trimestre/15.

A HORA É AGORA!

Trabalhador, faça a sua indignação ser maior que o seu medo. Já deixamos claro para a TIM nossa posição. Precisamos que você também reaja a estes ataques aos seus direitos. É o seu trabalho que engorda os bolsos dos acionistas e o reconhecimento disso é questão de justiça!

As próximas reuniões estão programadas para acontecer em 21 e 22 de novembro. Fique ligado nas informações do seu Sindicato.

VAMOS JUNTOS À LUTA!

Compartilhar este post

Deixe um comentário


× WhatsApp